Entrevista Lays Peixoto

Lays Peixoto, 23 anos

Sou jornalista.


lays 1

Sofri discriminação pela minha cor, e principalmente por ter cabelo crespo. Uma situação que me marcou muito foi quando eu tinha 9 anos e fui com minha mãe numa loja de roupa. Nós íamos comprar uma roupa branca pro ano novo pra mim. E a vendedora olhou pra minha mãe e perguntou: “você está procurando roupa pra você ou pra filha da sua empregada?”

lays 0

Daquele dia em diante eu passei por muitas fases em relação ao meu cabelo, e quando eu resolvi assumir o meu cabelo crespo, as pessoas passaram a me olhar como se eu fosse de outro planeta. No colégio eu recebia apelidos como: cabelo de bombril, cabelo de bruxa, e todos esses apelidos que as pessoas dão pra cabelo crespo.

Eu cresci com isso, a minha vida inteira.

lays 4

As pessoas fazem questão de dizer que    acham que seu cabelo está feio. Na adolescência eu ficava retraída e aguentava calada, porque todas as linhas amigas tinham cabelo liso e eu não. Hoje eu já consigo lidar melhor com a situação, já consigo me posicionar.

Ter sofrido preconceito me fez evoluir como pessoa e como profissional, a minha auto-estima elevou muito quando eu comecei a enfrentar isso, e enxergar o meu cabelo crespo como uma beleza diferente.

O meu pai era negro, e eu comecei a me aceitar depois que ele faleceu. O meu cabelo é herança dele, e eu não estava dando valor a isso.

lays 3

A gente tem que se amar mais, a gente tem que mostrar que aquilo que você tem não é um problema, nem uma coisa fora do normal. Hoje eu aceito meu cabelo, aceito a minha cor.

(♬) Uma música que quebra o meu silêncio é: Neguinha @ Vanessa da Mata

Anúncios

9 comentários sobre “Entrevista Lays Peixoto

  1. Adorei a matéria, é de suma importância que cada um tenha o direito de se apresentar do jeito que é e que se sente bem, sem ser intimidado por isto. Parabéns Lays, que você sirva de exemplo para outras pessoas de se permitirem do jeito que realmente realmente são sem que permaneça o medo de serem recriminadas por isso.

    Curtir

  2. Linda Lays ❤
    Sempre adorei você e suas tiaras/diademas que usava em tempos de escola.
    Que sua transição empolgue outras crespas-cacheadas a seguir este caminho de libertação! É, um caminho árduo; seja da aceitação(mistura de diversão com brabeza* destas raízes inquietas,rs) até ser alvo de olhares ignorantes e discriminatórios, mas, só o fato de ver nosso cabelo crescendo e sendo elogiado como um filho é demais pruma DE VOLTA cacheada. É, uma maravilha tocar neles..!
    Não vou nem falar da auto-estima pq ela está ALTA mesma, hahahah
    #Felizporvc #porNós #pelaquebradosilencio #belasfts

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s